terça-feira, junho 27, 2017

PS e PSD Com As Mãos Sujas De Petróleo No Algarve

"O Tribunal Administrativo e Fiscal de Loulé aceitou na semana passada mais uma providência cautelar que pretende suspender a realização de um furo ao largo da Costa Vicentina. Há um mês e meio, já um tribunal de Lisboa tinha aceitado uma providência cautelar no mesmo sentido. A admissão destas ações judiciais tem efeitos suspensivos, sendo que caberá agora aos tribunais ouvir todas as partes e, posteriormente, tomar uma decisão. De duas, uma: ou as providências são aceites – e o furo exploratório é suspenso definitivamente – ou são rejeitadas – e a Eni-Galp pode continuar os trabalhos"
 

segunda-feira, junho 19, 2017

A Tragédia de Pedrógrão Grande: É Preciso Abafar A Controvérsia

Já devia bastar. Já roça o ridículo e o absurdo. Há medida que o número de mortos aumenta, os disparates do senhor Presidente da República e similares, aumentam na mesma proporção. Marcelo agora recorre agora à psicologia positiva para elevar o moral dos bombeiros. A Ministra da Administração Interna contorne-se em dor com cada morte. Os responsáveis políticos não existem para isto. Foi repugnante ver a primeira intervenção de Marcelo quando da sua chegada da primeira vez ao local da tragédia. "Fez-se tudo o que havia a fazer" disse; numa tentativa frustrada de matar as interrogações políticas óbvias a fazer. Depois falou o Senhor Primeiro-Ministro "não é altura para interrogações". Os primeiros momentos da intervenção do poder político foram óbvios, perante a percepção imediata do tamanho da catástrofe e da irresponsabilidade política que conduziu à mesma, era preciso evitar a controvésia. Vergonhoso. O abandono do Estado às populações, na prevenção, no combate, e na protecção, está aí todo à vista. Resta a psicologia positiva ao poder político e governamental. Não chega, quando tudo o resto falha.

O MacLoulé Está De Regresso

Depois de um interregno de perto de cinco meses o blogue macloulé está de volta. Um problema técnico esteve na origem do nosso silêncio. E em boa (e má) hora voltámos. Com o país a arder e o abandono das populações do interior. A incúria e a irresponsabilidade política na gestão do Estado com consequências criminosas exige a maior vigilância crítica. O poder da palavra é pois insubstituível. Quando o senhor Presidente da República e o Senhor Primeiro-Ministro Costa tudo fazem para matar as interrogações políticas da tragédia de Pedrogão Grande é fundamental activar as perguntas. Porquê que isto aconteceu? Do ponto de vista regional, o crime político da exploração de petróleo em Aljezur e as criminosas portagens da Via do Infante, só por si, justificariam o regresso deste uso da palavra. Até já. E sim, eu sei. Não há movimentos de um.

quinta-feira, fevereiro 09, 2017

Continuem Com Orelhas Moucas, Depois Queixem-se

Hoje foi dia de protesto à porta da Câmara Municipal de Loulé contra a exploração de petróleo no Algarve (O governo de António Costa aprovou o furo no mar de Aljezur). O senhor Presidente da Câmara de Loulé ignorou-nos (passou pelo local do protesto sem dirigir a palavra aos manifestantes e foi à sua vida). A polícia ameaçou-nos com uma multa se derramassemos um líquido preto à porta da sede do Partido Socialista num acto simbólico de descontentamento com a exploração de petróleo, o que nos impediu de fazer o protesto. A exploração de petróleo está aprovada e ninguém nos protege. Só temos um remédio. Voltar ao protesto à porta da Câmara Municipal de Loulé dentro dos próximos dias para que nos oiçam. Isto já não para. Há muita gente que não gosta mas é a vida. Não se pode agradar a toda a gente.

Demita-se Senhor Ministro Do Ambiente

Ouvido logo pela manhã na Rádio Comercial e na M80; "Movimento Algarve Livre de Petróleo pede a demissão do Ministro do Ambiente João Matos Fernandes". Este movimento de cidadãos considera que um Ministro do Ambiente que acha normal a autorização da prospecção de petróleo no mar do Algarve perdeu as condições para o exercício do cargo.

quarta-feira, fevereiro 08, 2017

Carta Aberta Aos Autarcas Do Algarve (Sobre A Entrega Do Algarve À Indústria Petrolífera)

Carta Aberta Aos Autarcas Do Algarve

Data: Loulé, 09/02/2017
 
Excelentíssimos senhores autarcas da região do Algarve;

Estamos hoje aqui, à porta da Câmara Municipal de Loulé, para mostrar a nossa indignação e revolta com a aprovação da prospecção e exploração de petróleo ao largo de Aljezur pelo Governo Socialista de António Costa.
Estamos aqui para vos interrogarmos sobre o valor de uma consulta pública em Portugal, quando o resultado da consulta pública à população portuguesa sobre a exploração de petróleo pelo consórcio ENI/GALP, ao largo de Aljezur, foi de mais de 40000 votos contra a prospecção e exploração e uns residuais 4 votos a favor. Estamos aqui para denunciar este embuste democrático e para vos perguntar que concepção de democracia subjaz a uma decisão deste tipo que joga a consulta pública levada a cabo pelos organismos oficiais do Estado para o lixo.

Estamos aqui também porque não achamos normal que o Ministro do Ambiente ache normal a autorização governamental para explorar petróleo nos mares do Algarve e Alentejo e vimos por este motivo exigir a demissão do Ministro do Ambiente, João Matos Fernandes, cujas declarações ao jornal Expresso de dia 4/02/2017, são mais próprias de um Ministro do Petróleo. Que Ministro do Ambiente é este que defende os negócios das empresas de exploração de petróleo em detrimento do desenvolvimento sustentável no nosso país e de um futuro digno das jovens gerações?

Estamos aqui para apelar também a que todos os cidadãos do Algarve, grupos, associações e movimentos sociais se mobilizem, estejam presentes e levantem a sua voz no próximo dia 18 de Março, aproveitando a presença do Senhor Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, em Faro, na Escola de Hotelaria e Turismo, para exigir que este exija ao governo de António Costa a imediata paragem da prospecção e exploração de petróleo no mar do Algarve. Neste dia o Movimento Algarve Livre de Petróleo irá oferecer um bilhete de ida à Lua ao Senhor Presidente da República para lhe lembrar que está quase a chegar lá e desafia desde já os autarcas do Algarve a estarem presentes, assim como o Dr. Jorge Botelho da AMAL, para em conjunto, agirem no sentido de se parar de uma vez por todas esta enorme opressão sobre a vida das populações do Algarve.

Estamos aqui também para denunciar a vergonhosa encenação do Governo da Geringonça, que fez passar a ideia, no passado mês de Dezembro de 2016, junto da opinião pública, que teria revogado os contratos de exploração de hidrocarbonetos no Algarve, para uns dias depois, a 11 de Janeiro, aprovar à sucapa no recôndito dos gabinetes ministeriais o furo no mar de Aljezur.
Estamos aqui para vos dizer que tudo faremos para que a exploração de petróleo no Algarve não avance e para vos prometer uma resistência feroz!

P’lo Movimento Algarve Livre de Petróleo

terça-feira, fevereiro 07, 2017

Nojo

O governo de António Costa aprovou a exploração de petróleo no Algarve. Mentiu às populações fazendo passar a mensagem através dos media de que os contratos de exploração de petróleo no Algarve tinham sido cancelados, uma redonda mentira. Fez uma consulta pública que jogou para o lixo. O Ministro do Ambiente acha normal a exploração de petróleo no mar de Aljezur e a resistência e a indignação das populações é ínfima ou próxima de zero. Portugal não se recomenda. Temos o que merecemos, ponto final.

domingo, fevereiro 05, 2017

Aviso de Protesto Entregue, A Geringonça Petrolífera Vai Ter Que Nos Escutar!

Ex.mo Senhor Presidente da Câmara Municipal de Loulé
Dr. Vítor Aleixo
Data: Loulé, 05/02/2017
Assunto: Aviso de protesto em Loulé, dia 9 de Fevereiro, pelas 17h, contra a exploração de petróleo no Algarve – Exigência de pedido de demissão do Senhor Ministro do Ambiente, João Matos Fernandes
 
O Movimento Algarve Livre de Petróleo (MALP) informa que vai levar a cabo um protesto dia 9 de Fevereiro, pelas 17 horas, em frente à porta da Câmara Municipal de Loulé para mostrar a sua indignação e revolta com a aprovação da prospecção e exploração de petróleo ao largo de Aljezur pelo Governo Socialista de António Costa e da Geringonça.
Neste dia este movimento de cidadãos vai querer saber o que vale uma consulta pública em Portugal quando o resultado da consulta pública à população sobre a exploração de petróleo pelo consórcio ENI/GALP ao largo de Aljezur foi de mais de 40000 votos contra a prospecção e exploração e 4 a favor. O MALP pergunta ainda que concepção de democracia está subjacente a uma decisão deste tipo que joga a consulta pública levada a cabo pelos organismos oficiais do Estado para o lixo.
Este conjunto de cidadãos também não acha normal que o Ministro do Ambiente ache normal a autorização governamental para explorar petróleo nos mares do Algarve e Alentejo e vem por isso exigir a demissão do Ministro do Ambiente, João Matos Fernandes, cujas declarações ao jornal Expresso de dia 4/02/2017, são mais próprias de um Ministro do Petróleo.
O Movimento Algarve Livre de Petróleo vai apelar também que todos os cidadãos do Algarve, grupos, associações e movimentos sociais se mobilizem, estejam presentes e levantem a sua voz no próximo dia 18 de Março, aproveitando a presença do Senhor Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, em Faro, na Escola de Hotelaria e Turismo, para exigir que este exija ao governo de António Costa a imediata paragem da prospecção e exploração de petróleo no mar do Algarve. Neste dia o MALP irá oferecer um bilhete de ida à Lua ao Senhor Presidente da República e desafia desde já os autarcas do Algarve a estarem presentes, assim como o Dr. Jorge Botelho da AMAL, para em conjunto, agirem no sentido de se parar de uma vez por todas esta enorme opressão sobre a vida das populações do Algarve.
O MALP avisa ainda o senhor Presidente da Câmara de Loulé, Dr. Vítor Aleixo, que no dia 9 de Fevereiro far-se-á também uma marcha de protesto na Praça da República onde se parará à porta do Partido Socialista para derramar um garrafão com um líquido escuro, com o duplo significado simbólico, do repúdio pelo derrame de petróleo em cima da vida dos cidadãos do Algarve e de repúdio pela sujidade da política partidária e dos políticos que nos governam que atingiu contornos de indecência inimagináveis ao cidadão comum.
P'lo Movimento Algarve Livre de Petróleo

sábado, fevereiro 04, 2017

O Ministro do Petróleo

"Acho normal que um país procure saber os recursos que tem e não encontro nada de estranho na existência deste furo de pesquisa a 45 quilómetros da costa”, assim responde o ministro do Ambiente, João Matos Fernandes, questionado pelo Expresso sobre o que pensa da prospeção de petróleo ao largo da Costa Vicentina." (Pergunta o MALP: - É o Ministro do Ambiente ou o Ministro do Petróleo?)
 

quarta-feira, fevereiro 01, 2017

Uma Geringonça Petrolífera

Portanto, vamos lá a ver se eu percebi. O governo de António Costa prolongou a data da consulta pública no verão passado para permitir uma maior participação dos cidadãos sobre o furo de Aljezur. Dezenas de milhares de cidadãos participaram e disseram não à exploração de petróleo e a seguir o governo jogou a consulta pública para o lixo. Uma verdadeira geringonça.
 

terça-feira, janeiro 31, 2017

Não Passarão!

Nota de imprensa – Movimento Algarve Livre de Petróleo
Loulé, 31/01/2017
Informa-se os senhores jornalistas que o Movimento Algarve Livre de Petróleo (MALP), vai realizar um protesto no próximo dia 9 de Fevereiro, à porta da Câmara Municipal de Loulé, pelas 17 horas. Este movimento quer saber o que o Presidente da Câmara de Loulé e presidente da comissão permanente do Conselho Regional da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve, Dr. Vítor Aleixo, pensa sobre a recente autorização do Governo Socialista de António Costa para prospecção e exploração de petróleo no mar do Algarve, ao largo de Aljezur, e o que este pensa fazer junto do governo de António Costa no sentido de terminar com esta opressão sobre a vida dos algarvios.
Este movimento de cidadãos quer também saber junto do autarca socialista o que vale uma consulta pública em Portugal, quando mais de quarenta mil pessoas dizem não à exploração de petróleo em Aljezur (contra 4 votos a favor), naquela que é das maiores manifestações de participação cidadã num acto deste tipo no Portugal democrático do pós-25 de Abril e se é esta a concepção de democracia do governo da Geringonça. ´
Informa-se também que nesse mesmo dia será derramado um garrafão com um líquido preto à porta da sede do Partido Socialista em Loulé como resposta ao desprezo e à total falta de respeito com que o Governo de António Costa tratou os cidadãos do Algarve com esta decisão.
Com os melhores cumprimentos
P’lo Movimento Algarve Livre de Petróleo

segunda-feira, janeiro 30, 2017

Juntos, Podemos! Petróleo No Algarve, Não!

Dia 9 de Fevereiro, porta da Câmara Municipal de Loulé! Petróleo no Algarve Não! Aparece! Junta-te! Temos que ser nós a parar a merda que os políticos da Geringonça estão a fazer! Derramam-nos petróleo em cima respondemos-lhes com a revolta e a revolução! Juntos, podemos!
 

domingo, janeiro 29, 2017

A Luta Continua, Geringonços Para A Rua!

"O movimento «apela ainda às populações do Algarve e Alentejo que se levantem novamente em manifestações, petições, ocupações do espaço público e participação ativa na campanha eleitoral autárquica que se aproxima, de forma a exigir a travagem imediata da prospecção e exploração de petróleo nas regiões do Algarve e do Alentejo, e lamenta que «afinal os senhores autarcas, o presidente da comissão permanente do Conselho Regional da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve, as Associações de Turismo da Região, a AMAL e outros órgãos importantes da região sejam impotentes e desrespeitados por um governo que afinal não os escuta»."
 

Alguém Sabe Onde É Que Eles Andam?

Perguntas que têm que ser feitas: - Alguém ouviu e viu por aí o senhor Presidente da Câmara de Aljezur, José Amarelinho, sobre a decisão do Governo Socialista de António Costa de autorizar a exploração de petróleo em Aljezur? Não? Eu também não. Alguém ouviu e viu por aí o senhor Presidente da Câmara de Loulé, Vítor Aleixo, sobre a decisão do Governo Socialista de António Costa de autorizar a exploração de petróleo em Aljezur? Não? Eu também não. Alguém ouviu e viu por aí o senhor Presidente da AMAL, o socialista Jorge Botelho, sobre a decisão do Governo Socialista de António Costa de autorizar a exploração de petróleo em Aljezur? Não? Eu também não. Pois é. Parece que perderam o pio. Foram à caça de gambozinos ou andam entretidos a fazer listas partidárias para as eleições autárquicas. Que se lixem as populações do Algarve.

Ainda Sobre Os Capangas Do Bloco De Esquerda

Acabei de ser vilipendiado de todas as maneiras e feitios pelos crentes do Bloco de Esquerda no facebook do deputado João Vasconcelos que depois de terem sugerido que eu seria "doente mental" e outras coisas assim Estalinistas apagaram o que escreveram e sanearam-me da conversa. No facebook Algarve Político acabo de ser ameaçado de pancadaria por um troll que gosta de petróleo no Algarve. Boa noite. Vou dormir. Ah, esqueci-me, o deputado da Assembleia Municipal de Loulé, do Bloco de Esquerda, Carlos Martins, chamou-me sectário. Viva a cidadania.

sexta-feira, janeiro 27, 2017

A Luta Continua, Geringonça Para A Rua!

O Governo de António Costa aldrabou as populações do Algarve e acaba de aprovar a prospecção e exploração de petróleo no mar do Algarve ao largo de Aljezur. Jogando para o lixo a consulta pública aos cidadãos, em que mais de 40000 pessoas e entidades se pronunciaram contra a exploração de petróleo ao largo de Aljezur (com 4 votos apenas a favor) o governo da geringonça desrespeita a vontade das populações, despreza os mecanismos democráticos de participação dos cidadãos e põe-se ao lado das empresas de exploração de petróleo. Junta-te, Quinta-Feira, dia 9 de Fevereiro, à porta da Câmara Municipal de Loulé, às 17 horas, em protesto contra a exploração de petróleo no Algarve. Vamos querer saber o que o senhor Presidente da Câmara de Loulé, Conselheiro Regional do Algarve, Dr. Vítor Aleixo, do Partido Socialista, pensa desta decisão que arruina o Algarve e o que pensa fazer junto do Governo de António Costa. Tragam faixas, cartazes, megafones, panfletos e a vossa voz. A luta continua, Geringonça para a RUA! Aparece!
 

O Primeiro-Ministro António Costa, O Aldrabão

Ver aqui a resposta do aldrabão que por acaso é Primeiro-Ministro, António Costa, à pergunta de Catarina Martins sobre a exploração de petróleo em Aljezur. De uma assentada jogou para o lixo a consulta pública e a participação de 40000 cidadãos que disseram não à exploração de petróleo em Aljezur pela concessionária ENI/GALP.
 

Resistir!

Esta tarde já houve concerto à porta da Câmara Municipal de Loulé: "Gritou-se bem alto: "Geringonços, petróleo no Algarve não!". Nas próximas semanas vamos organizar acampadas frequentes à porta da CML que só pararão ou quando formos presos ou quando se suspender a exploração de petróleo no Algarve. Não nos deixaram alternativa. O ideal era sermos muitos mas um povo anestesiado não está para isso. Um abraço a todos.

A Geringonça A Derramar Petróleo Em Cima Dos Algarvios

Inacreditável. O governo decidiu à sucapa no passado dia 11 de Janeiro aprovar a exploração de petróleo em mar ao largo de Aljezur no litoral do Algarve e do Alentejo pelo consórcio ENI/GALP. O movimento de luta anti-petróleo está a reagir com um rotundo silêncio (com excepção de Laurinda Seabra da ASMAA que denunciou a aprovação). Temos o que mereremos. Gritamos contra a América de Trump lá longe e bajulamos o Costa e a geringonça. Parabéns a todos vós, anestesiados.

 

Comunicado De Imprensa - Movimento Algarve Livre De Petróleo

Comunicado de Imprensa – Movimento Algarve Livre de Petróleo
Data: 27/01/2017

O Movimento Algarve Livre de Petróleo (MALP) vem por este meio apelar à população do Algarve que erga a sua voz contra o governo de António Costa por ter aprovado à sucapa a licença de prospecção e exploração de petróleo no mar do Algarve e do Alentejo, ao largo de Aljezur, no passado dia 11 de Janeiro. O Movimento Algarve Livre de Petróleo considera indecente que o governo da geringonça tenha feito tábua rasa das mais de quarenta mil participações dos cidadãos que se pronunciaram em consulta pública contra a exploração de petróleo pelo consórcio ENI/GALP e considera a mais completa falta de respeito pelos cidadãos que foram chamados a participar desta consulta pública. O Movimento Algarve Livre de Petróleo interroga-se também sobre a concepção de democracia do Governo subjajente a uma decisão que ignora por completo a vontade maioritária das populações locais e pergunta para que serve afinal uma consulta pública. O Movimento Algarve Livre de Petróleo apela ainda às populações do Algarve e Alentejo que se levantem novamente em manifestações, petições, ocupações do espaço público e participação activa na campanha eleitoral autárquica que se aproxima, de forma a exigir a travagem imediata da prospecção e exploração de petróleo nas regiões do Algarve e do Alentejo. Este movimento de cidadãos lamenta ainda que afinal os senhores autarcas, o senhor Conselheiro Regional do Algarve, as Associações de Turismo da Região, a AMAL e outros órgãos importantes da região sejam impotentes e desrespeitados por um governo que afinal não os escuta.

P’lo Movimento Algarve Livre De Petróleo
João Eduardo Martins

Uma Geringonça Traiçoeira E Aldrabona, Aprovada A Exploração De Petróleo Ao Largo De Aljezur

Choque e desilusão diz Laurinda Seabra da ASMAA. E tem razão. Foi aprovada a licença de exploração de petróleo ao largo de Aljezur. Eu fui avisando que o governo de Costa e a Geringonça não era confiável. A submissão de grande parte do movimento ambiental ao governo das esquerdas ao longo destes últimos tempos não ajudou em nada à luta. De uma assentada o governo de Costa jogou para o lixo mais de 40000 participações de cidadãos a dizer não à exploração de petróleo numa consulta pública. É caso para perguntar de que valem as consultas públicas em Portugal? E agora, vamos ficar de braços cruzados? Marcelo Rebelo de Sousa está quase a chegar à lua. Percebe-se agora melhor a pressão nos bastidores para o silêncio no final de Dezembro e no início deste ano. Há muita gente nesta luta com mais amor ao governo do que há causa. Se calhar temos o que merecemos.
 

quinta-feira, janeiro 26, 2017

Mais Uma Morte Na EN 125

"Ao que o CM apurou, António Serra, conhecido professor na escola EB 2,3 de Castro Marim e residente em Vila Real de Santo António, teve morte quase imediata depois de ter sido colhido por detrás, por um veículo ligeiro conduzido por um idoso, na casa dos 80 anos, quando seguiam ambos na estrada, no sentido Tavira - Faro, perto das 17h00. A vítima ainda foi assistida por meios dos Bombeiros Municipais de Tavira e do INEM, mas o óbito acabou por ser declarado ainda no local."
 

quarta-feira, janeiro 25, 2017

O Regresso Da Barbárie

Ter um louco racista à frente da maior potência mundial é tudo o que não precisavamos neste momento em que a desordem governa o mundo e a navegação se faz à bolina. Aí vamos nós, humanidade, qual carro de Jagrená, em direcção ao regresso da bárbarie e em claro retrocesso civilizacional.
 

terça-feira, janeiro 24, 2017

O Materialismo Dialéctico Do Bloco De Esquerda

Deixa lá ver se eu percebo. Catarina Martins quer o melhor de dois mundos antitéticos. Quer romper com o Tratado Orçamental e quer renegociar a dívida, coisa que o PS não quer. Quer sair do euro se o vento a empurrar para aí, coisa que o PS abomina. Quer romper com Bruxelas e ao mesmo tempo ser o suporte do governo de Costa que obedece estreitamente a Bruxelas e ainda se gaba de ter atingido o défice mais baixo da história da democracia. Bolas. O materialismo dialéctico do Bloco de Esquerda é obra.
 

Os Chulos Dos Políticos

Os incompetentes dos políticos que temos quando se trata de salvar a banca despejam-lhe em cima rios de dinheiro que corre não se sabe para que mãos e para que destino. Quando se trata de salvar um dos bens mais preciosos que temos, o Serviço Nacional de Saúde, despejam-lhe em cima muita retórica, técnicas de racionalidade gestionária ultraliberais, promessas vãs e montanhas de demagogia. Como não haverão de florescer por aí dezenas de Trumps um pouco por todo o lado se são aqueles que se dizem de esquerda que abandonam as populações à sua própria sorte?
 

segunda-feira, janeiro 23, 2017

O Roubo Das Portagens Na Via Do Infante, Quando Os Ladrões Políticos São Sempre Os Outros

E os partidos da geringonça estão à espera de quê para abolir as portagens da Via do Infante? E a CUVI (Comissão de Utentes da Via do Infante) controlada pelo deputado do Bloco de Esquerda, João Vasconcelos, por onde anda em protesto agora? E as faixas do Partido Comunista Português que diziam por aí nas ruas que as "portagens na Via do Infante são um roubo" foram escondidas aonde? Agradecemos as respostas dos partidos da geringonça. Obrigado.
 

Chegaram Os Trolls Do Costa E Dos Geringonços

E pronto. Começaram a aparecer por aqui esses trolls ranhosos ao serviço dos partidos especificamente programados para atacar quem tem uma opinião política qualquer que ela seja que não seja conforme à política da governação. Foi assim com Sócrates, foi assim com Passos Coelho e começam a aparecer agora com a geringonça do Costa no momento em que a coisa se começa a degiringonçar. Venham de lá então que cá vos esperamos, gentinha feia, porca e má, mal disfarçada de ratos, de ratazanas, ou até quem sabe de burros pintados de cor de rosa e vermelho para compensar os zurros da falta de ideologia disfarçada de comunismo ou de socialismo de tendência neoliberal. Força democratas defensores da democracia. Seus grandes camelos. Erguei-vos nas redes sociais pela luta de classes.

domingo, janeiro 22, 2017

Um Governo Alterno Diz O Barreto, Uma Casa De Alterne Digo Eu

"É a mais persistente tentação do PS: governar sozinho, mas alternar políticas, conforme as necessidades e os interesses, fazendo aprovar umas leis com os comunistas e outras com a direita. É um sonho adolescente, mas um sonho perene. Desde sempre o PS convenceu-se de que era o centro de gravidade da democracia portuguesa, o partido do regime ou o partido charneira, designações que fizeram história. Foi por causa desse sonho que os socialistas inventaram a moção de censura construtiva, uma bizantinice jurídica que obriga a que só possa derrubar o governo quem tenha uma maioria pronta. Foi por causa desse sonho que os socialistas perderam vários governos e momentos históricos. Estamos a chegar lentamente a uma fase parecida. Enquanto o PS puder contar com a extrema-esquerda, vai governando. O pior é que a extrema-esquerda também já percebeu. E, depois de ser muleta, não está pronta a suicidar-se. Foi por causa deste estilo de governo, com a mão esquerda de manhã e a direita à tarde, que os governos socialistas de Soares, de Guterres e de Sócrates caíram em seu tempo."
 

O Que Espera A Geringonça Para Acabar Com A Exploração De Petróleo No Algarve?

Duas perguntas de início de ano 2017 sobre a exploração de petróleo e gás no Algarve. Primeira pergunta: - O que está o governo de António Costa e da geringonça à espera para revogar o contrato de exploração de petróleo com a ENI/GALP ao largo de Aljezur quando mais de 40000 cidadãos em consulta pública disseram não à exploração de petróleo ao largo de Aljezur e do Alentejo? A consulta pública não serve mesmo para nada? Segunda Pergunta: - O que está o governo de António Costa e da geringonça à espera para revogar os quatro contratos de exploração de petróleo e gás em mar no Algarve quando se sabe que esta empresa tal como a Portfuel também se encontra em situação de incumprimento contratual? O que explica o duplo critério do governo de Costa em relação à Repsol/Partex e à Portfuel? Ficamos a aguardar as respostas. Obrigado.

O Combate Ao Neoliberalismo Destrutivo Pela Via da Extrema-Direita

Hoje ouvi através da televisão a crítica de Le Pen à União Europeia e um dos seus principais argumentos invocando o Brexit e a vitória de Trump é que os neoliberais se encontram em pânico. E esta é uma crítica demolidora porque não são só os neoliberais que estão em pânico mas também a social-democracia em vias de extinção e as esquerdas colaboracionistas com o sistema neoliberal vigente que verdadeiramente nunca o combateram. E esta crítica é demolidora precisamente porque assente na nua e crua realidade junta a si um discurso nacionalista e xenófobo que cola bem em grande parte da massa populacional e que não encontra proposta política alternativa no actual momento do tempo. As esquerdas desistiram do combate pela democracia e pela soberania nacional e deixaram o caminho aberto a todo o tipo de tirania. Só lhes posso endereçar os meus parabéns. E não, não me convidem para as habituais manifestações organizadas pela esquerda caviar ou pelos comunistas reformistas via bandeirinhas da CGTP. Não contém comigo para a tradicional política do folklore. Para isso existem os fiéis e a seita organizada para a bolimia. Passem bem.
 

sábado, janeiro 21, 2017

Trump Não É A Causa, É A Consequência

Trump vai ser provavelmente um horror? Vai certamente. Mas a grande questão que ainda está para ser respondida é como se fabrica um Donald Trump. Com o 1% contra os 99% a serem sistematicamente defendidos por uma Merkel, por um Hollande, por um Rajoy, por um Barroso, por um Passos Coelho, pela esquerda fofinha do mal menor à la Obama (com quem simpatizei mas que deixou este sistema altamente desigualitário intacto), pelo Costa (defensor do patronato e da TSU) e até pelo Jerónimo e pela Catarina (estes dois últimos a assistir à banda de Bruxelas a passar com muita gritaria sem efeitos de maior) não nos admiremos. A raiva e a revolta das populações está aí e ela vai ser canalizada para quem sabe tirar proveito disso. Da minha parte, desisti de ir às urnas de voto (e não, não se entenda a minha posição como um conselho aos outros). Já bastou.

PS: Esta semana que acabou de passar um esquerdista dos sete costados, daqueles que se dizem da ala esquerda do partido socialista, o Dr. Vítor Aleixo, partilhava no seu facebook, como sinal de sucesso, o "triunfo" da geringonça de ter conseguido o défice orçamental mais baixo da História da democracia portuguesa. Está tudo dito.
 

quinta-feira, janeiro 19, 2017

Da Demência Colectiva


Isto é apresentado como uma vitória pelo governo da geringonça. A demência colectiva continua por aí à solta.

terça-feira, janeiro 17, 2017

A Luta Continua

"Os deputados do PSD, Cristóvão Norte e José Carlos Barros, insistem na proposta que foi chumbada em Abril de 2016 na qual se previa a suspensão das portagens na A 22 quando os troços correspondentes na EN-125 cuja circulação fosse interrompida durante as obras de requalificação desta via. Esta iniciativa, exigida em requerimento dirigido ao Governo, surge na sequência da cerimónia de inauguração do reinício das obras que estranhamente mereceu grande aparato e motivou a presença do Ministro do Planeamento e Infraestruturas, curiosamente a personalidade que ordenou a suspensão das obras."
 

segunda-feira, janeiro 16, 2017

Primeiro Estranha-se, Depois Entranha-se

Para naturalizar o neoliberalismo destrutivo basta colocar as peças certas à frente das organizações que contam. Depois é deixá-lo correr indo por si. Primeiro estranha-se. Depois entranha-se. Assim se constroi o TINA (there is no alternative). Voilá.
 

sábado, janeiro 14, 2017

À Espera De Godot?

Depois da boa iniciativa do grupo STOP Petróleo Vila do Bispo numa sessão de esclarecimento para jovens em idade escolar no início de Janeiro, mais uma boa iniciativa, agora da PALP, com uma exposição de arte e tertúlias na Biblioteca Municipal de Loulé sobre a exploração de petróleo e gás no Algarve. Espero que alguém tenha dito ao Conselheiro Regional do Algarve, presente na exposição, Dr. Vítor Aleixo, para transmitir ao Governo da Geringonça e aos senhores deputados eleitos pelo Algarve, do Partido Socialista, que não queremos a exploração de petróleo e gás nos mares do Algarve. A Repsol, a Partex, a Galp e a ENI não podem colonizar o território algarvio à revelia das populações. Não queremos!

quinta-feira, janeiro 12, 2017

Um Estado Social Moribundo

De como o poder político conseguiu destruir o Estado Social. Primeiro com o ataque e a desqualificação social dos professores. Depois com o ataque e a desqualificação social do pessoal médico (médicos e enfermeiros). Não há Estado Social decente que resista a um desinvestimento político desta intensidade.

E Os Senhores Autarcas Vão Ficar A Assistir?

Contratos com a Repsol/Partex, no Algarve, em mar, não foram cancelados pelo governo do PS e pela geringonça. Ver aqui a resposta do Governo ao Bloco de Esquerda. Sousa Cintra está a servir de bode expiatório e de alibi para desmobilizar os movimentos anti-petróleo no Algarve em ano de eleições. O que têm os autarcas, a AMAL e o senhor Conselheiro Regional do Algarve a dizer sobre isto? Agradecem-se tomadas de posição sobre a exploração de petróleo no Algarve em mar.
 

quarta-feira, janeiro 11, 2017

O Deputado João Vasconcelos, O Donald Trump Do Algarve

Os crentes do Bloco de Esquerda no Algarve continuam a reagir mal à crítica política de que suportam o governo da geringonça comandado por António Costa e em vez da abolição das portagens da Via do Infante estão a ser suportes de um governo que aldrabou os algarvios e aumentou as portagens na Via do Infante. A única resposta que lhes ocorre a fazer (para além de denegrirem pessoalmente quem lhes faz a crítica) é de que quem faz essa crítica só se pode ter passado para o PSD ou para o CDS. O deputado João Vasconcelos é hoje o líder de uma seita que recorre a estratégias só camparáveis ao que de pior nos trouxe Donald Trump. Populistas são pois, os outros.

O Neoliberalismo Entranhado Na Geringonça, Fujam

Tenham medo, muito medo. Esta geringonça neoliberal é um perigo. O que será que o PCP e o Bloco de Esquerda têm a dizer disto? Se calhar, nada.
 

terça-feira, janeiro 10, 2017

Faz Hoje Onze Anos O Blogue Macloulé

O blogue Movimento Apartidário da Cidade de Loulé faz hoje 11 anos. Teve o seu primeiro post em 10 de Janeiro de 2006. Estamos em crer de que a função para a qual foi criada está a ser cumprida. Trazer a discussão política e social para a praça pública e com isso estimular o debate e a intervenção democrática na polis. Por aqui passaram intervenções cidadãs na área da saúde, da educação, do combate à austeridade, da luta contra a exploração de petróleo e gás no Algarve, da luta contra as portagens na via do Infante, do insano abate de árvores no concelho de Loulé, da perseguição, da opressão e dos maus tratos do pessoal político dos diversos quadrantes políticos à minha pessoa, do combate ao neoliberalismo que mata a democracia. Deixamos em baixo (abrir o link) o segundo post que escrevemos em 12 de Janeiro de 2006, faz daqui a 2 dias 11 anos. É sobre a exploração de petróleo no Algarve. Para memória futura. Pelo menos, para a minha, que isto da memória tem que se lhe diga.
 
 

O Homem Que Não Percebeu A Importância Histórica De Mário Soares

António Costa e Augusto Santos Silva não perceberam a dimensão histórica da personalidade de Mário Soares. Não falo dessa afirmação absurda de Soares ser o "pai da democracia". Falo do facto de Soares ser uma personagem incontornável da História Contemporânea portuguesa com um papel fundamental na afirmação da democracia burguesa demoliberal (e ela está hoje pelas ruas da amargura). Ficaram os dois presos à importância de estabelecer "negócios" com a Índia. Também aqui mais uma vez o capitalismo e os "mercados" se sobrepuseram à importância do político nas hierarquias da vida social. Costa como Primeiro-Ministro tinha que estar presente. Ponto. De resto, não deixa de ser ridículo ver destacados nos discursos políticos de homenagem a Soares a sua faceta como elemento fundamental da entrada de Portugal na União Europeia quando esta está, também ela, à beira da hora da sua morte. Soares valeu sobretudo pelo seu combate ao fascismo e pela defesa das liberdades. O que não é pouco. É esse o seu grande legado.
 

domingo, janeiro 08, 2017

O Partido Socialista Do Algarve De Novo A Enganar OS Algarvios, Agora Com A Exploração De Petróleo E Gás

Caros cidadãos implicados na luta anti-petróleo e gás no Algarve. Leiam com muita atenção a resposta dos deputados eleitos pelo partido socialista do Algarve à ASMAA de Laurinda Seabra e fiquem muito preocupados com o nosso futuro no Algarve. Esta gente da política contínua a tratar-nos por parvos (é como se tivessem a falar para crianças tolas e ignorantes) evidenciando a mais profunda falta de respeito para com os algarvios. Leiam e tirem as vossas conclusões. É boa a resposta de Laurinda Seabra da ASMAA.
 

Uma Geringonça Neoliberal

Leiam e tenham muito medo. Esta geringonça neoliberal para além de um possível desastre começa a ser um verdadeiro perigo. Racionalidade gestionária, empresarial e economicista nas urgências e hospitais. Tenham muito medo. Eu tenho.
 

sábado, janeiro 07, 2017

sexta-feira, janeiro 06, 2017

Mais Um Número De Circo Do Deputado Do Bloco De Esquerda João Vasconcelos?

Lido na capa do jornal i de hoje: Deputado do Bloco de Esquerda ameaça chumbar o orçamento de Estado de 2018. Trata-se do deputado algarvio João Vasconcelos a propósito da quebra de promessas de António Costa e do Partido Socialista no caso das portagens da Via do Infante. Ora para percebermos se não estamos em mais um número de circo para enganar incautos do senhor deputado João Vasconcelos é preciso que a líder do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, se pronuncie sobre o assunto. É que o senhor deputado sozinho não tem capacidade para chumbar Orçamento de Estado nenhum mas se isto for a posição do Bloco de Esquerda e da sua líder (e já agora do PCP) António Costa fica sem alternativa à abolição das portagens. Estaremos perante um novo número de circo do senhor deputado Vasconcelos? O que pensa o Bloco de Esquerda do assunto?

segunda-feira, janeiro 02, 2017

Votar Em Doudécimos

Eu como não tenho a opção de rejeitar o arbitrário do poder instituído resta-me uma única opção. Votar em duodécimos. Ou melhor dizendo, continuando a "optar" por não pôr os pés nas urnas de voto. É um direito que me assiste enquanto não tornarem o voto obrigatório. Convivo muito mal com violações grosseiras dos direitos sociais e do trabalho. E ainda mais quando significam uma verdadeira regressão social. Boa noite.
 

domingo, janeiro 01, 2017

2017, A Luta Contra A Exploração De Petróleo No Algarve

A luta contra a exploração de petróleo e gás no Algarve em 2017: - Vai ser urgente desde logo saber o que há de verdade e de mentira nas notícias que deram como certa a revogação dos contratos de exploração de petróleo no Algarve. Temos que saber claramente que contratos o governo revogou e quais não revogou, para que se possa fazer a luta assente em factos reais e não em fantasias. É fundamental saber isto. Afinal que contratos revogou o governo de António Costa no Algarve?